Gol no último segundo decreta 1º resultado negativo da A.A. FIB em Bauru

 

[caption id="attachment_1631" align="aligncenter" width="800"]foto: Tamiris Dinamarco/Futsal em Pauta foto: Tamiris Dinamarco/Futsal em Pauta[/caption]

Associação Atlética FIB e ADC Ford/Taubaté duelaram pela liderança da Chave A da Copa Paulista nesta quarta-feira (07), no campus das Faculdades Integradas de Bauru (FIB), e o confronto teve uma definição apenas no último segundo, com direito a polêmica; melhor para o time de Taubaté, que venceu por 4 a 3 e chegou aos nove pontos; já a equipe de Bauru permanece na zona de classificação mesmo com o tropeço em seus domínios.

O jogo começou com as duas equipes cautelosas e o primeiro lance de perigo só aconteceu aos três minutos; os visitantes arriscaram da entrada da área e o goleiro Luccas fez uma defesa tranquila. A resposta da A.A. FIB veio nas bolas paradas; nos dois minutos seguintes, Jonathan Bob, que estava suspenso na última partida, cobrou duas faltas que assustaram o arqueiro de Taubaté. A rede não demorou para balançar; Rafael Vilela, que também voltou de suspensão, girou dentro da área e bateu forte, o goleiro da ADC Ford/Taubaté espalmou e Misael abriu o placar para a A.A. FIB. A vantagem durou pouco, 30 segundos depois, Gui empatou. A partida voltou a esfriar e nos minutos finais do primeiro tempo, Evandro virou para os taubateanos.

No primeiro lance da etapa final, Luccas se esticou para evitar mais um gol dos visitantes, porém, aos cinco minutos, não conseguiu parar Evandro, que fez 3 a 1. Faltando 11 minutos para o cronômetro zerar, o técnico Everton Carvalho da Silva, o Alemão, colocou Misael como goleiro-linha e promoveu a entrada do ala Danilinho, que estreou com a camisa da A.A. FIB. A equipe bauruense melhorou e envolveu os rivais até Misael, que ainda estava como goleiro-linha, completar cruzamento de Fabrício e diminuir. Em uma falha do goleiro, Fabrício deixou tudo igual.

O empate manteve o confronto emocionante e os bauruenses estiveram próximos da virada; Henrique tentou por cobertura e quase fez um golaço; Jonathan Bob cobrou tiro livre e também ficou no quase; Rafael Vilela acertou a trave e o empate persistiu até o último segundo. Em um lance polêmico, Rafael Vilela estava com a bola na meia quadra, foi derrubado por um jogador da ADC Ford/Taubaté, o juiz mandou seguir e Hernandez deu a vitória aos visitantes.

Apesar do resultado negativo em Bauru, a A.A. FIB segue no G-4, entretanto, caiu para a quarta colocação, sendo ultrapassada pelo Pulo do Gato/Sanasa, que venceu a AABB/Mapfree e chegou aos seis pontos; ADC Ford/Taubaté e Grêmio Mogiano lideram a Chave A. “Só dependemos de nós para nos classificar e enquanto houver chance, lutaremos. Fizemos um ótimo jogo contra o, até então, vice-líder e podemos repetir a atuação contra o líder”, disse Alemão.





Parceiros