Após buscar empate, A.A. FIB sofre gol no fim e perde em Campinas

DSC_0000300A lista de desfalques da Associação Atlética FIB para a partida contra o time do Pulo do Gato, nesta terça-feira (14), no ginásio Rogê Ferreira, em Campinas, era grande: o goleiro Luccas e o pivô Henrique, com suspeitas de dengue, não foram relacionados, Rafael e Evinho, que se recuperam de uma virose, foram para o jogo e pouco atuaram, assim como Júlio Chaló e Taquá, que se recuperam de lesões nos joelhos. Diante dos desfalques, o técnico Elton Carvalho escalou o goleiro Babalu, os alas Misael, Fumaça e Gedson e o pivô na formação inicial.

Apesar de atuar no ginásio do adversário, a equipe de Bauru se portou de maneira ofensiva, criou boas oportunidades de gol, mas não conseguiu balançar a rede. Em dez minutos, o Pulo do Gato havia feito cinco faltas coletivas, no entanto, a A.A. FIB não conseguiu explorar a possibilidade de ter um tiro livre e acabou sofrendo um gol em um lance polêmico. Thiaguinho chutou de fora da área, a bola pingou no taco e saiu, a arbitragem assinalou o gol e houve dúvidas se bola realmente ultrapassou a linha por parte dos bauruenses. Gafanha, sem polêmica, ainda teve tempo de ampliar para o time campineiro antes do intervalo.

No reinício da partida, a A.A. FIB se manteve no campo de ataque e conseguiu diminuir com um golaço de Will, que girou e chutou forte para estufar a rede campineira. Enquanto a equipe de Bauru ainda comemorava, Gafanha fez 3 a 1 para o Pulo do Gato. Após o gol, o técnico Elton Carvalho solicitou tempo técnico e pediu calma à sua equipe. Os jogadores assimilaram as instruções do treinador e conseguiram chegar ao empate. Gedson, completando um cruzamento de letra, fez 3 a 2 e Misael, em um rápido contra-ataque deixou tudo igual, a cinco minutos do apito final. Wesley ainda teve a chance de marcar o gol da virada, mas parou na trave. Se não bastassem os desfalques, Will ainda sofreu uma lesão no pulso e teve que disputar boa parte da partida com uma atadura. Quando o empate parecia certo, Gafanha fez seu terceiro gol no jogo e decretou a vitória do Pulo do Gato por 4 a 3, a 58 segundos do apito final.

“Apesar da tabela não nos favorecer e termos tantos problemas com nossos jogadores, esperávamos somar pontos fora de casa. Conseguimos superar as dificuldades, fazer o mais difícil, que era chegar ao empate contra o Pulo do Gato, porém, sofremos um gol no fim mais uma vez. Agora, precisamos do torcedor bauruense no Duduzão, para voltarmos a vencer e buscarmos a classificação”, enfatizou o técnico Elton Carvalho. Com o quinto resultado negativo em cinco jogos fora de casa, a A.A. FIB segue com 3 pontos, na 12ª colocação na tabela de classificação; a equipe volta à quadra pela Liga Paulista na segunda-feira (20), para enfrentar o Yoka/ACR/ UNISAL/Grupo Martins Lara, às 20:00 horas, no Ginásio Duduzão, em Bauru.





Parceiros